O sono do Rei Vermelho

Percorri as oito casas até  minha coroa alcançar, porém num descuido, como O Ovo Travesso, da Torre caí. Sendo eu sendo menina, de carne, osso e coração de manteiga,  o que será que eu quebrei?

Será que quebrei o espelho por onde entrei nesse tabuleiro, pois o Rei acordou e em seu sonho eu me dissipei? Vossa Majestade me perdoe, mas eu já não sei se ainda existo e peço licença para deste mundo me ausentar.

Disso já fazem 7 vezes sete dias e continuo sonhando com ele. Nos meus delírios oníricos  ele ainda dorme ao meu lado e eu velo por ele.  Dizem ‘o rei sem a rainha vive, mas ela não vive sem o rei’.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s